Como financiar os seus estudos?

Atualmente, pagar um curso de graduação em uma universidade ou um curso técnico em alguma escola do Brasil não é uma tarefa das mais fáceis. O preço que se paga nos dias de hoje é algo difícil conciliando outros gastos mensais que a maioria dos brasileiros possui.

Por conta disso, conseguir uma bolsa de estudos é algo muito desejado entre os estudantes. O Governo Federal oferece programas que cedem bolsas de estudo para ensino técnico e cursos de graduação. Neste artigo você vai conhecer os principais programas para conseguir uma bolsa de estudos.

Pronatec 2016: O Pronatec é o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego. Ele foi criado em 2011 com o objetivo de apoiar a entrada de pessoas sem condições em cursos de educação profissional e tecnológica. Para este ano de 2016, o Governo Federal anunciou que pretende aumentar os investimentos no Pronatec 2016, ampliando o número de inscritos para 8 milhões.

No Pronatec são oferecidos cursos gratuitos em mais de 400 áreas através das unidades do Sistema S, Senai, Senac, Senar e Senat, além de instituições de ensino superior particulares e de educação profissional de nível médio. Esses cursos são separados em três tipos: curso técnico para quem já concluiu o ensino médio, curso técnico para quem está matriculado no ensino médio e formação inicial e continua ou qualificação profissional.

Inscrições Pronatec 2016

Para realizar a inscrição no Pronatec, o estudante deve estar corretamente matriculado ou ter concluído o ensino médio em escolas públicas. Ele deve se dirigir a própria instituição de ensino para ficar sabendo sobre datas e prazos, e também ficar sempre consultando o site da instituição ou acessar o site do Pronatec para buscar por cursos em seu município ou em municípios vizinhos. Isto pelo fato de que cada instituição tem requisitos específicos para inscrição no Pronatec.

Programa Educa Mais Brasil

O programa Educa Mais Brasil é uma das principais alternativas para quem quer estudar. Ele é um programa de inclusão educacional que oferece bolsas parciais de estudo para alunos interessados em ingressar em algum curso. O Educa Mais Brasil oferece bolsas de estudo para a graduação, pós graduação, educação básica e técnica.

O Educa Mais Brasil no ano de 2016 oferecerá bolsas de estudo de até 70% para alunos que queiram ingressar em escolas ou faculdades particulares. São oferecidas todos os anos mais de 120 mil bolsas de estudo e já foram beneficiados mais de 200 mil alunos em todo o Brasil.

Inscrições Educa Mais Brasil 2016

Os interessados em realizar a inscrição no programa Educa Mais Brasil 2016 necessitam fazer a comprovação de que não possuem condições financeiras para pagar de forma integralmente as mensalidades. Algumas instituições de ensino utilizam a nota do Enem no processo de seleção, por isso é preciso que o candidato tenha tirado pelo menos 450 pontos na prova e não ter zerado na redação.

O processo de aprovação ocorre enquanto houver seleção nas instituições parceiras e vagas, sendo essas limitadas.

Para efetuar a inscrição, o interessado não precisa pagar nada, pois todo o processo é gratuito e feito por meio do site do Educa Mais Brasil. Primeiramente, o estudante deve escolher o curso que deseja realizar a inscrição e após o cadastro, o candidato pode consultar a situação da inscrição no Portal do Aluno do Educa Mais Brasil.

Quem não for selecionada a primeira vez, pode continuar tentando sem precisar fazer uma nova inscrição. Caso o estudante seja contemplado pelo programa, o candidato receberá uma carta de aprovação por e-mail e a Taxa de Adesão ao programa, que deve ser paga para o recebimento da bolsa.

Fies

O Fies – Financiamento Estudantil foi criado pelo Governo Federal em 1999 com alterações importantes no ano de 2010. O objetivo é financiar a graduação no Ensino Superior de estudantes que não possuem condições de arcar com os custos de sua formação. Podem participar do programa, estudantes que estejam regularmente matriculados em instituições não gratuitas que sejam cadastradas no Fies e possuam avaliação positiva nos de acordo com o Ministério da Educação (MEC).

Inscrições Fies 2016

O período de inscrição para o primeiro semestre do Fies já foi finalizado. Porém o Ministério da Educação (MEC) confirmou que será realizado outro processo seletivo do Fies no segundo semestre deste ano de 2016.

O estudante que deseja concorrer a uma vaga no FIES deverá acessar o sistema no período estabelecido no cronograma. A inscrição será feita através do endereço eletrônico do programa, as inscrições são gratuitas e feitas exclusivamente pela internet.

A taxa de juros para o financiamento estudantil do Fies ainda é a menor do mercado. Mesmo passando de 3,4% ao ano para 6,5% ao ano para novos contratos.

Vantagens do Fies

Conhecido como o grande salvador dos estudantes que não iriam conseguir estudar em uma escola privada, o Fies tem como importante e conhecida vantagem a sua forma de pagamento.

A primeira fase é a de utilização, onde durante o curso o candidato, a cada trimestre, quita um valor máximo de até R$ 150,00.

Após esta fase, ocorre a fase de carência onde o estudante terá 18 meses para recompor o seu orçamento, nesta fase o estante quita a cada trimestre um valor de no máximo R$ 150,00.

A última fase é chamada de amortização. O saldo devedor é calculado e pode ser dividido em até 3 vezes o período financiado do curso.